JAGUARÉ
BPMA constata desmatamento de área nativa após denúncia anônima
.Após verificarem a área, os agentes mantiveram contato com o responsável do local, de 33 anos, que informou que havia realizado o desmate da vegetação nativa.
09/02/2019 13h29
Por: Redacão
Foto: Divulgação PM
Foto: Divulgação PM

No dia de ontem (08), uma equipe da Terceira Companhia de Polícia Militar Ambiental procedeu com o atendimento de denuncia anônima de desmate em vegetação nativa, na localidade de Córrego do Estivado, Comunidade de São Domingos, Zona Rural de Jaguaré. Durante a vistoria, os agentes ambientais constataram um desmate de 0,3443 hectares da vegetação nativa, o que corresponde a 3.443 (três mil quatrocentos e quarenta e três) metros quadrados, além de muito material residual lenhoso decorrente da atividade.Após verificarem a área, os agentes mantiveram contato com o responsável do local,  de 33 anos, que informou que havia realizado o desmate da vegetação nativa.

Os agentes requereram o licenciamento ambiental emitido pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (IDAF/ES) para a execução do desmate, mas o infrator informou que não possuía licenciamento ambiental e que havia contratado um operador de máquina free lancer para a execução do desmate, que ocorreu em um remanescente do bioma Mata Atlântica em estágio médio/avançado de regeneração natural. Diante das declarações do senhor, os policiais militares conduziram o infrator ambiental a presença da autoridade policial da 18ª Delegacia Regional de São Mateus para os procedimentos legais cabíveis, sendo, ainda, apreendido 01 metro cubico de madeira que seria utilizado pelo infrator.

O Comandante da Terceira Companhia Ambiental, Capitão Fabrício Pereira Rocha, salienta que há uma intensificação nas fiscalizações, com o fito de coibir crimes ambientais relacionados ao desmate da vegetação nativa, tendo em vista que crimes desta estirpe degradam, severamente, o meio ambiente, gerando o aquecimento da temperatura, escassez hídrica, grandes períodos de estiagem, êxodo animal, a percolação (infiltração) das chuvas no solo e subsolo, mitigando o volume dos lençóis freáticos, além de mitigar os recursos naturais do local, ocasionado eventualmente o desaparecimento de espécies endêmicas e nativas da fauna e flora.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Rio Bananal - ES
Atualizado às 09h09
30°
Poucas nuvens Máxima: 32° - Mínima: 21°
34°

Sensação

4.2 km/h

Vento

67.2%

Umidade

Fonte: Climatempo
Moto Mais rentagulo
ads 300x250
Municípios
Anúncio
Últimas notícias
Anúncio
Mais lidas
Anúncio