NORTE

Polícia Militar prende um dos maiores ladrões de veículo da região Norte

Ele foi encaminhado ao plantão policial.

04/08/2018 10h44Atualizado há 11 meses
Por: Redacão

Numa operação conjunta entre as Polícias Militar e Civil foi preso na noite desta quinta-feira (2) em Ponto Belo, um dos maiores ladrões de veículo da região. FCS, 23 anos, foi detido mediante mandados de prisão expedidos pelas Comarcas de Montanha e Pedro Canário, por crime de roubo majorado. Ele foi encaminhado ao plantão policial.

De acordo com o Comandante do 2º Batalhão, Tenente-coronel Sebastião Aleixo Batista e o Delegado Wesley Santos, a operação foi deflagrada após levantamentos realizados pelos Agentes do Serviço de Inteligência da 2ª Companhia em Pinheiros, os quais descobriram que o foragido estava escondido em uma casa na região de Ponto Belo e transmitiram as informações aos Militares de Montanha.

Segundo o Comandante e o Delegado, de posse das informações foi montada uma operação policial na noite desta quinta (2) envolvendo 10 Militares do 2º Batalhão e 02 Policiais Civis da Delegacia de Montanha. FCS foi preso na residência de sua namorada localizada no Bairro Castanheira. Ela também foi conduzida a Delegacia de plantão.

Durante o cerco policial, o acusado tentou empreender fuga pelos fundos da casa, mas não obteve sucesso. No quarto onde o acusado dormia com a namorada, foi encontrado um revólver calibre .38 com 06 munições intactas, que estavam escondidos debaixo do colchão.

Segundo levantamentos, além de roubo , o foragido é suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas e outros crimes na região. Ele inclusive está sendo investigado pela Polícia Civil. Somente em Pinheiros há informações de que o acusado tem participação em 08 furtos/roubos de veículos.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias